Autolex

Página de Importação



Aprenda a importar um veículo. Carros e motocicletas.

A Autolex, além de realizar homologações automotivas, também ajuda você a importar veículos garantindo preços muito menores. Saiba passo a passo como importar diretamente com a Autolex.

Primeiro deve-se escolhe o veículo que irá comprar e faz o pedido de homologação informando a marca, modelo, versão e acessórios.

Lembre-se: só podem ser importados veículos zero quilômetro. Veículos usados, só com mais de 30 anos no caso de colecionadores.

Para que o novo veículo seja autorizado a ingressar em território brasileiro, precisa-se de dois documentos. O primeiro, emitido pelo Ibama, é o LCVM, para automóveis, ou LCM, para motocicletas, que atesta que o veículo está dentro das regulamentações ambientais vigentes e fica pronto em média de 15 dias.

Com o LCVM ou LCM liberado, é hora de emitir o CAT, que comprova que o veículo está compatível com as normas brasileiras de trânsito e atende aos critérios de segurança descritos no Denatran. O CAT leva em média 30 dias para ser emitido.

Feita a homologação, a Autolex orientará a contratação de profissionais credenciados para fazer, de forma rápida e segura, o serviço de exportação de veículos e despacho aduaneiro.

Lembrando que os parceiros que a Autolex recomenda no exterior são profissionais idôneos e experientes. Com profundos conhecimentos nos processos de exportação de veículos conforme a legislação do país onde estão além da própria legislação brasileira.

O despachante aduaneiro, indicado pela Autolex, iniciará os procedimentos de importação fazendo o requerimento do RADAR. Radar significa Rastreamento da Atuação dos Intervenientes Aduaneiros, que é uma autorização de importação simplificada para quantias inferiores a 150 mil dolares dada pela Receita Federal. Ele também irá registrar uma Licença de Importação junto ao Siscomex, o Sistema Integrado de Comércio Exterior.

A Licença de Importação será enviada ao IBAMA e a Secretaria de Comércio Exterior. Órgãos que comprovarão que o interessado cumpriu as exigências de homologação do veículo, além da comprovação de destinação dos pneus inservíveis.

Após a LI Deferida, o exportador já pode ser pago mediante o envio da PROFORMA INVOICE ao importador. Com este documento em mãos, o importador deverá solicitar que seu banco faça o pagamento diretamente ao exportador.

Após essas etapas cumpridas, o veículo já está autorizado perante o governo a vir para o Brasil. Mas é importante esperar a emissão do CAT antes de autorizar o exportador a embarcar, evitando que ocorra custos desnecessários para o desembaraço aduaneiro pela não apresentação deste documento à autoridade aduaneira.

Hora de embarcar! O exportador irá acondicionar o veículo no contêiner com todas as precauções e cuidados necessários, de acordo com os regulamentos de segurança.

Quando a entrega chegar ao porto de mais fácil acesso para o cliente, o despachante aduaneiro irá providenciar o recolhimento dos impostos. É importante lembrar que esse valor sai direto da conta bancária do importador direto para a Receita Federal, sem trâmites intermediários!

Por fim, o veículo passará por uma vistoria do fiscal antes de ser liberado. Agora ele está apto a ser emplacado por qualquer despachante de trânsito.

Viu como é fácil trazer um veículo para o Brasil? Conte sempre com os amigos da Autolex para fazer a sua importação!

 


Autolex - Consultoria em Homologação e Importação Automotiva
R. Martiniano de Carvalho 270/274
São Paulo , SP , Brasil
55 11 3266-3400
.